29 de abr. de 2013

Cascas de Laranja Cristalizada!

Cascas de Laranja Cristalizada!


Quer trem mais fácil de fazer que raspinhas de laranja? Sem contar que é uma ótima maneira de aproveitar toda a fruta. Lá em casa tem um pé, o que torna tudo ainda melhor. Sei que estou consumindo um alimento livre de agrotóxicos, feito com controle rigoroso de higiene e com muuuitooo amor, o que é o mais importante.

Sem falar que ainda ganho, de quebra, uma geleia super saborosa, feita com o suco da laranja, pouco açúcar (gosto de tudo um pouco mais ácido) e anis estrelado. Bom demais! 

Tirinhas de laranja cristalizadas. O quitute é um mimo, principalmente para as visitas.
Dá trabalho? Claro que dá. Mas tudo conquistado é mais gostoso, não é mesmo? Então vamos lá! Para fazer uma porção razoável, que dê pra você comer, mandar um pouco para o amor, para a sogra, para os amigos e ainda servir de aperitivo no café da tarde, você vai precisar de: 

INGREDIENTES:

- 1 kg de casca de laranja (pra isso, você deve usar uns 3 kg de laranja) 
- 200 gramas de açúcar refinado (sei que açúcar refinado é menos saudável, mas não sei se a receita daria certo usando outro tipo de açúcar) 

Laranja sem agrotóxico, direto do pomar da mamãe.
MODO DE PREPARO:

Para começar você tem que lavar muito bem essa laranja, com uma bucha (nova) e detergente neutro. Depois você deve sanitizar o alimento. Esse procedimento é bem simples e você encontra o passo a passo aqui no Vida de Cozinheiro.

Depois é só seguir os passos listados abaixo. Garanto que você terá raspinhas lindas e bem mais baratas que as vendidas em lojas de produtos naturais. 

Para quê comprar o que você mesmo pode fazer em casa?
ETAPAS DO PREPARO:

1ª - em uma panela grande, coloque a água para ferver 
2ª - lave as laranjas com uma bucha nova e detergente neutro 
3ª - sanitize as frutas por 15 minutos (ver receita
4ª - corte as laranjas ao meio 
5ª - esprema o suco das laranjas e reserve (vai virar um geleia deliciosa) 
6ª - retire as partes brancas (fibrosas) das laranjas e descarte 
7ª - corte essas metades da laranja em tiras bem finas (corte "Julienne") 
8ª - coloque as tirinhas na água e deixe ferver por 5 minutos 

Ferva a laranja para eliminar a acidez da casca.
Detalhe: aí está a parte mais trabalhosa dessa receita. A água da fervura precisa ser trocada pelo menos 5 vezes porque a casaca da laranja é muito ácida. Com a renovação da água conseguimos eliminar grande parte do sabor amargo da casca da fruta. 

Para reduzir o tempo desse processo, uma dica é colocar pelo menos duas panelas grandes com água no fogo. Assim você vai ter sempre uma panela com água fervendo disponível para ir trocando as cascas de panela. 

Use a maior panela que você tiver na sua cozinha. Vai ajudar bastante a agilizar o processo. 
Depois de diminuída a acidez da casca, escorra a água. As tirinhas vão ficar moles. Mas não se preocupe. É assim mesmo. Com a cristalização do açúcar elas voltam a endurecer.

Reserve metade das tirinhas e coloque o resto na panela, junto com a metade do açúcar. Leve ao fogo e mexa por uns 10 minutos. Com o aquecimento, a água vai secar e o açúcar vai grudar nas tirinhas. Assim que as tiras começarem a se soltar uma das outras tire-as do fogo e mexa a panela por mais um minuto. 

Quando a água tiver praticamente secado e o açúcar bem firme, espalhe as tirinhas num tabuleiro e deixe-as esfriar.
Depois espalhe as tiras num tabuleiro e deixar esfriar. Repita o processo com o restante das tirinhas. Detalhe: não fique mexendo as tirinhas de um lado para o outro. Tenha calma e deixe os pedacinhos esfriarem. Só então tire-os do tabuleiro. Assim você evita que o açúcar solte das tiras.

Para a geleia de laranja, coloque na panela o suco das laranjas, um anis estrelado e uns 200 gramas de açúcar. Eu costumo colocar menos açúcar porque gosto da geleia mais amarga. A dica é ir acrescentando o açúcar e provando para ficar do seu gosto. 

Eu adoro anis. Mas você pode temperar a sua geleia com canela, cravo, pimenta. A sua criatividade é o limite.
Aí é só deixar esse líquido reduzir e engrossar. Só não se esqueça a geleia pronta terá menos água e, portanto, a tendência é de ficar mais doce.

Outro detalhe: não deixe a geleia ficar muito grossa porque quando esfriar ela vai encorpar ainda mais. Com relação ao anis, ele pode ser substituído por canela ou outra especiaria da sua preferência.

Raspinhas de laranja! Uma delícia!!! Servidos?
Você pode colocar ainda um pouco de conhaque para realçar o sabor da laranja. Agora, se der preguiça de fazer a geleia que tal aproveitar o suco da laranja para fazer um bolo? Às vezes eu uso suco de laranja no meu bolo de cenoura e fica ótimo.

Gostou desta postagem? Então siga o Vida de Cozinheiro nas Redes Sociais e ajude a divulgar o nosso trabalho compartilhando este conteúdo!

[Facebook] [Instagram] [Twitter] [Pinterest]

Toda nossa obra é oferecida gratuitamente aos leitores.
  1. Muito bem explicadinha sua receita!!!
    Adorei!!!
    Irei fazê-la!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Vanessa! Depois me conte como ficou, tá? Abraços!

      Excluir
  2. Que bacana! Fico feliz que tenha dado certo!!!! Precisando, conte com a gente! Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Fiz só que ficou um pouco mole? Pq?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Ana! Tudo bem? Será que não foi porque você não esperou esfriar o suficiente? Ou porque fez tudo de uma fez só? Essa receita não é difícil mas precisa ser feita em pouca quantidade porque se aí você vai conseguir fazer com que a água evapore direitinho. Se você colocar muita laranja de uma vez ou numa panela muito pequena, ainda que você mexa bem, não vai ter espaço suficiente entre as tiras para a água secar... Pode ter sido isso. Você seguiu à risca a receita? Porque até o tipo de açúcar e o tamanho da panela fazem diferença. Me dê um retorno, por favor. Fiquei curiosa. Desde já, muito obrigada pela sua audiência e por escrever! Conte sempre com a gente! Grande abraço!

      Excluir

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search