Made in Paraguay

By 19:05 ,

Confesse: se você visse esta foto sem ler o título do post, nunca ia achar que esse lugar lindo é no Paraguai, né?
O Paraguai que conhecemos vai muito além da fronteira. E nem precisamos ir longe para encontrar produtos genuinamente paraguaios. Ao contrário da maioria, que atravessa a Ponte da Amizade em busca dos preços baixos, nós não tivemos que ficar atentos às falsificações.

Entramos na casa do vizinho com pensamento de viajante. Conhecemos o que, de fato, deve ser visto no país dos nossos hermanos. Claro, também nos deparamos com uma Ciudad del Este suja, confusa, perigosa. 

Centro de compras ao lado da fronteira, bem na entrada da Ciudad del Este...
Mesmo porque, disso não tem como fugir. No centro de compras, logo que se cruza o limite entre Brasil e Paraguai, a visão que se tem não é nada agradável. Ruas imundas, calçadas lotadas, carros velhos disputando o espaço com ambulantes e sacoleiros... 

Tudo ou da pior qualidade ou caro demais. Um cenário assustador que não faz jus à bela cidade e que costuma ser o único quadro que a imprensa brasileira pinta do "lado de lá". Mas nós resolvemos fazer diferente! 

Você arriscaria dizer que eu estou no Paraguai? Duvido... Mas a Ciudad del Este também é assim: linda e arborizada! Este lugar encantador é o Lago de la Republica.
Ignoramos as lojas e investimos o nosso tempo no que realmente importa. Pagamos por um city tour e foi incrível! Não é propaganda, mas tenho que falar do Rigo e da Rebecca. Nossos guias paraguaios foram super atenciosos e tinham uma cultura de impressionar qualquer jornalista... 

Na Ciudad del Este a melhor opção foi, de fato, o City Tour. Recomendo!
Nossa primeira parada foi na Catedral de San Blas! Lindíssima, a estrutura é famosa porque se assemelha ao formato de um barco. Eu não achei nada parecido mas, ainda assim achei o templo lindíssimo e adorei ouvir as histórias dos nossos guias paraguaios.

Aliás, com eles, aprendi muito sobre os costumes da tribo Guarani, uma das mais representativas etnias indígenas das Américas. E aí é bom explicar: no Paraguai, o termo "Guarani" (que significa guerreiro) tem muitas atribuições, sendo duas mais importantes.

Primeira: é uma das línguas faladas no país, além da castelhana (o que faz do Paraguai um país bilíngue). Segunda: é o nome da moeda paraguaia.

Pra quem não sabe (eu não sabia), o Guarani é uma das únicas línguas indígenas americanas a obter um reconhecimento nacional e literário e a ser pronunciada por um número significativo de não indígenas. Atualmente, é falada por mais de dez milhões de pessoas, principalmente no Paraguai e na Bolívia, sendo a língua oficial destes dois países.

Fachada da Catedral de San Blas, na Ciudad del Este, no Paraguay.
Essas curiosidades que aprendi com o passeio também contemplaram o campo gastronômico. Conhecimentos que se exprimem em palavras! Volto para Brasília sabendo o que é Chipa (um tipo de pão de queijo), Tereré Rupá (uma espécie de lanchinho da manhã), Tereré (chá gelado) e Guampa (cuia onde se coloca o chá).

Vendedor de Chipa. Foto: Cleber Gellio / campograndenews.com.br
Não só aprendi os termos como também provei as iguarias. E o nosso CityTour foi tão completo que até paramos em uma baraquinha no meio da rua para vermos de perto a fabricação do famoso Tereré. Vimos, aprendemos a fazer e ainda levamos o chá! Foi uma experiência tão bacana que rendeu um post inteiro sobre a bebida. E é o que você pode conferir na matéria "Tereré: o chá gelado paraguayo".

Nosso guia, Rigo Dan Samudio, nos ensinando sobre as ervas usadas na confecção do famoso chá gelado paraguaio!
Com a garrafa cheia, seguimos viagem. Para nossa surpresa, a próxima parada foi na mini catarata paraguaia. Isso, o Paraguai também tem uma bela queda d' água! Nada que se compare das do Rio Iguaçu, mas que vale a visita!

Salto Monday em Ciudad Presidente Franco, no Paraguai. Lindo, né? 
As cataratas estão dentro de um parque municipal que também é lindo e tem boa infra-estrutura. A entrada para essa reserva ecológica (que já estava inclusa no nosso City Tour) custa 3 mil guaranis, que na cotação atual sai a 2 reais por pessoa.

Mais uma incrível viagem ao lado do maridão... Amor maior que eu!!!
Para chegar lá é bem fácil. O Salto Monday fica em Ciudad Presidente Franco, município vizinho da Ciudad del Este, a menos de 20 quilômetros da fronteira. O local é agraciado com três quedas d'água provenientes do Rio Monday, o principal afluente paraguaio do Rio Paraná.

Não deixe de conhecer o Salto Monday! Lindo demais!
E já que estamos falando de Rio Paraná, saio um pouco desse roteiro. Desculpe-me, caro cozinheiro, mas não posso deixar de citar a grandiosidade que é a Itaipu Binacional. Acredito que todos saibam, mas pra quem desconhece, a usina que explora o potencial hidrelétrico do Rio Paraná (que demarca a fronteira) é o grande elo que une brasileiros e paraguaios.

Um gigante chamado Itaipu...
A imponente represa, com 1350 quilômetros quadrados, é uma das maiores do mundo e pertence às duas nações: Brasil e Paraguai (por isso a denominação "Binacional"). Para a construção desse ambicioso projeto um tratado (Tratado de Itaipu) foi assinado pelos dois países em 1973.

Muitos anos depois, no dia 5 de maio de 1984, a Itaipu começou a operar, sendo que, por conta do Tratado de Itaipu, toda a energia gerada na usina é dividida em partes iguais entre Brasil e Paraguai. Desde então a Itaipu Binacional fornece 15% da energia consumida no Brasil e abastece 75% do consumo paraguaio.

"Enquanto isso na Sala de Justiça"... Kkk... O controle da Binacional me fez lembrar os bons tempos do Clube da Criança...
Detalhe importante: por conta do acordo firmado, se um dos países não utilizar toda a parte da energia a que tem direito deve dar preferência de venda da energia excedente para o sócio e essa cota tem que ser comercializada a preço de custo. Desse modo, o Paraguai que usa somente 5% da parte dele, comercializa com o Brasil os 45% restantes.

Grandiosidade que encanta!!!
Outra curiosidade: em Guarani, Itaipu é "pedra que canta". Faço aqui minha licença poética e acrescento: que canta e encanta. É, sem dúvida, uma monstruosidade arquitetônica, considerada pela Sociedade Americana de Engenheiros Civis uma das sete obras mais significativas da engenharia moderna.

Uma das vinte turbinas responsáveis pela força da hidrelétrica de Itaipu! 
Nem precisa dizer mais para você incluí-la em seu Próximo Embarque, né? Mas Foz do Iguaçu e suas belezas é assunto para um novo post...

Este monumento em pedra, bem em frente à Igreja de San Lucas, chama atenção de quem passa pelo bairro...
Voltando ao nosso City Tour pela Ciudad del Este, destaco ainda outros três importantes templos de paz visitados: a Catedral de San Blas, a mesquita Alkhaulafa Al-Rashdeena e a Igreja de San Lucas.

Interior da Igreja de San Lucas.
E a fachada da Mezquita del Este.
Cada um mais bonito que o outro!!! Com o passeio chegando ao fim, a fome apertou. E aí conhecemos o que, pra mim, foi a cereja do bolo: um tradicional restaurante paraguaio.

Vai uma empanada aí?
Aprendi a fazer a famosa sopa paraguaia (que de sopa não tem nada), comi as deliciosas empanadas e ainda provei um pedaço de postre. Postre, em espanhol, significa sobremesa mas, no Paraguai, dá nome a uma torta doce que se assemelha à nossa palha italiana. Tudo uma delícia!!!

Doce típico do paraguay que se assemelha a uma palha italiana.
Aliás, com relação à Sopa Paraguaya, nunca imaginei que um bolo de milho solado com carne moída (que, apesar de sólido, os paraguaios chamam de sopa) poderia ser tão gostoso!!!! Adorei!!!

A famosa "Sopa Paraguaia"!
Aproveito para agradecer aqui o dono do restaurante que, prontamente, me deixou conhecer a cozinha e conversar com as funcionárias (que me ensinaram a fazer essas delícias!!! Eeee!!!).

De tão bom, resolvi fazer aqui em casa. A receita? Ah, isso você confere no post "A Sopa Paraguaya"! Uma ótima semana pra todos nós!

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nós te ajudamos com esta postagem? Então siga o Vida de Cozinheiro nas Redes Sociais e ajude a divulgar o nosso trabalho compartilhando este conteúdo.

[Facebook] [Instagram] [Twitter] [Pinterest]

Toda nossa obra é oferecida gratuitamente aos leitores.

Você também pode gostar!

9 comentários

  1. Es bonito nuestra nación... gracias por tu nota...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós que agradecemos pela visita! Seja sempre bem vindo ao Vida de Cozinheiro! Abraços!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Muito obrigada! Seja sempre bem vindo ao Vida de Cozinheiro! Abraços!

      Excluir
  3. Meraviglioso, Mari !!... Você tem razão, Gastronomia é a Cultura dos 5 Sentidos... Abbraccione !!...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, meu querido! E, pra mim, não tem coisa melhor que conhecer lugares e pessoas... É o que se leva dessa vida, né? Grande abraço!!!

      Excluir
  4. Nós brasileiros deveríamos conhecer melhor o Paraguay, especialmente sua linda capital Asunción, e seu povo que, apesar de tão sofrido, é muito simpático, hospitaleiro e cordial.
    Parabéns irmãos paraguaios. Vocês tem um lindo país para se orgulhar.

    ResponderExcluir