Sabor que refresca e faz bem!

By 16:38 ,

Água aromatizada com peras, hortelã, anis-estrelado e cardamomo. Excelente opção para os dias quentes!
Não sei na sua casa, mas aqui, em Brasília, está muito, muito quente. Beirando o insuportável! E com o clima assim não tem jeito: tudo o que você quer é um refrigerante bem gelado, num copo suado, com gelo e limão, não é mesmo? Sim, caro leitor. Minha mente também comunga desse delírio coletivo... Rsrs...

Mesmo sem tomar qualquer tipo de refrigerante desde 2010, ainda tenho bem clara essa imagem na cabeça... Fazer o quê, né? Cresci vendo comerciais mirabolantes que tentam te convencer a matar a sede com uma bebida que tem muito de tudo, menos água.

De acordo com as informações do site da Coca-Cola, o refrigerante mais consumido no mundo, os ingredientes da bebida padrão são: água gaseificada, açúcar, extrato de noz de cola, cafeína, corante caramelo IV, acidulante INS 338 e aroma natural. Mas, sempre que o pensamento vem, eu penso: "sai desse corpo que não te pertence!" e bebo um copo d'água! Porque sim, o que mata a sede é água!

SENTIR SEDE NÃO É BOM

Aliás, por falar nisso, você sabia que sentir sede já é um problema grave? Quanto começamos a ficar com a boca seca, desesperados por um copo de água, significa que a coisa já tá preta, meu amigo... Rsrs...

Não é novidade pra ninguém (pelo menos não devia ser) que as moléculas de água representam 70% do peso de um adulto. Nomeada solvente universal pelos químicos, no organismo humano, a água carrega sais, proteínas, hormônios, gorduras e açúcares.

E se engana quem pensa que toda essa água fica diluída no sangue... Só um décimo desse líquido se encontra na corrente sanguínea. A maior parte dele, cerca de 60%, se acomoda dentro das células e é lá que a água cumpre sua função mais importante: a de regular essa concentração entre o líquido interno e o externo (a boa e velha osmose que aprendemos na escola...) e, assim, transportar o lixo do organismo para fora da célula. Feito isso, de volta ao sistema circulatório, o principal volume de água vai para os rins e, no xixi, saem as impurezas do sangue, como as moléculas de uréia, e eventuais excessos de sais.

ÁGUA, TERMÔMETRO NATURAL

Ah, a água também ajuda a regular a temperatura corporal. Ao umedecer a pele, o líquido evapora, "roubando" o calor do corpo. Por isso, o simples fato de sentir sede já é um alerta importante! É um sinal que você precisa de reposição de água!

E isso pode acontecer depois da atividade física, por conta da ingestão de uma comida excessivamente doce ou salgada, pelo uso de medicamentos diuréticos, por conta da ressaca ou, simplesmente, pelo motivo explicitado neste post: o calor (que desencadeia o aumento da sudorese)!

Mas, mesmo em condições normais de temperatura e pressão (rsrs), qualquer um, sem praticar exercício intenso, perde em torno de 2,5 litros de água em 24h. São perdidos, em média: 800 ml pela transpiração / 1,5l a 3l pela urina / 0,5 l na respiração / 200 ml nas fezes. Sendo que, para o ser humano (e todo ser vivo), o processo de desidratação pode ser fatal.

Beba de 2 a três litros de água por dia, ok?
Segundo especialistas, sem água, nenhuma substância entra ou sai das células e o corpo fica, literalmente, travado. Por sorte, existem receptores no cérebro (na região denominada hipotálamo) que não param de analisar o sangue, medindo a concentração ou osmolaridade das moléculas diluídas. Quando a taxa de osmolaridade (que deve ficar entre 275 e 290 milimóis - unidade de concentração das moléculas dissolvidas) cai é necessário ingerir água...

BEBA, PELO MENOS, 10 COPOS POR DIA

A quantidade? O ideal é beber de 2 a 3 litros de água por dia (cerca de 10 copos) para evitar esse descontrole. E é aí que você vai dizer: sério? Dá enjoo só de pensar... Tá, eu sei, beber água o tempo todo não é tão fácil assim e é por isso que vamos à receita de hoje.

Embora toda bebida inclua essa substância em sua composição é desses dois átomos de hidrogênio enlaçados com um átomo de oxigênio (H2O) que o corpo sedento precisa. Ou seja, para combater a desidratação, só água mesmo! Mas, por que não tomar uma água um pouco diferente? A dica é o consumo de água saborizada. Isso mesmo! Aqui em casa, há um bom tempo, ela deixou de ser incolor, inodora e insípida. Rsrs...

ÁGUA? BASTA LER O RÓTULO

Mas não confunda as coisas: não estou falando daquelas que você encontra nas prateleiras do supermercado. Mesmo porque esses produtos estão mais para um refrigerante (com roupagem moderna) que pra H2O...

Sim, caro cozinheiro, as versões industrializadas da água com sabor (muitas delas levemente gaseificadas), mostradas na propaganda como uma alternativa saudável ao refrigerante, são bem similares aos sucos em pó em relação ao valor nutricional, apresentando teor reduzido de vitaminas e minerais e quantidades consideráveis de sódio e aditivos químicos.

Mais uma vez citando informações do site da Coca-Cola, sua água saborizada contém: água gaseificada, suco de limão, aroma natural, conservadores sorbato de potássio e benzoato de sódio, edulcorantes aspartame (21 mg) e acesulfame de potássio (5 mg) por 100 ml, regulador de acidez ácido cítrico e sequestrante EDTA cálcio dissódico.

Não contém quantidade significativa de proteínas, gorduras totais, gorduras saturadas, gorduras trans e fibra alimentar. Não contém glúten. Viu? Basta ler o rótulo! Ou seja: não adianta investir nesse tipo de produto para substituir o refrigerante, ok?

ÁGUA SABORIZADA NATURALMENTE

Sendo assim, o verdadeiro "pulo do gato" é a água aromatizada naturalmente, que você pode (e deve) fazer em casa! É mais leve que suco e mais gostosa que água natural. E, além da ausência de produtos químicos, o mais legal é que dá para misturar ingredientes diversos ( ervas, frutas, vegetais, especiarias...), criando sabores inusitados!

Não coloquei porque o Thiago não Gosta... Mas Canela é sempre uma ótima opção!
Contendo substâncias importantes para a saúde, a água saborizada ainda dá um toque todo especial à decoração da sua mesa... Deixo aqui, a última receita que fiz, usando pera, anis-estrelado, cardamomo e hortelã. 

Tudo natural e muito saudável!

ÁGUA SABORIZADA DE PERA

. Receita:
- duas peras cortadas em fatias bem finas 
- um anis-estrelado 
- quatro grãos de cardamomo 
- dois litros de água natural em temperatura ambiente 
- um ramo de hortelã

O Cardamomo dá um gostinho todo especial à bebida!
Tá vendo, é bem simples! Basta seguir algumas dicas que não tem erro.. Primeiro: sempre utilize água filtrada e deixe a mistura descansar (na geladeira) por, pelo menos, 6 horas para acentuar o sabor, ok? Experimente utilizar especiarias, ainda que você não goste muito.

Você vai se surpreender com o sabor! Você pode ainda, se tiver usando fruta que contenha sumo, para acentuar o sabor dela na água, além das rodelas, esprema também um pouco do suco. Vai ficar muito bom! Pra encerrar, uma pequena lista com alguns erros facilmente cometidos quando começamos a testar nossas águas saborizadas e que podem ser evitados:

. Alecrim, manjericão e lavanda têm sabor intenso. A dica é só um galhinho para não ficar com o sabor muito acentuado. Hortelã e capim-limão são mais suaves.

. As frutas cítricas devem ser, sempre, cortadas em rodelas porque dá um efeito visual mais bonito à jarra.

. Use, de preferência, um recipiente transparente (pode ser uma jarra, um pote, uma suqueira) e de vidro (eu nunca uso plástico para não deixar cheio e gosto na preparação) porque a água saborizada também é muito bonita e pode ser usada para decorar a mesa.

. Não há necessidade de adoçá-la porque o açúcar da fruta já dará o sabor à água.

. O ideal é consumi-la rápido, pois as frutas podem fermentar e alterar o gosto da água. Conserve-a, sempre, na geladeira, pois o açúcar das frutas facilita a fermentação à temperatura ambiente.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nós te ajudamos com esta postagem? Então siga o Vida de Cozinheiro nas Redes Sociais e ajude a divulgar o nosso trabalho compartilhando este conteúdo.

[Facebook] [Instagram] [Twitter] [Pinterest]

Toda nossa obra é oferecida gratuitamente aos leitores. Este artigo também pode ser visto no portal SóNotíciaBoa.com.br

Você também pode gostar!

0 comentários